Mapeamento colaborativo; o sucesso do PokemonGo

Mapeamento colaborativo; o sucesso do PokemonGo

O primeiro sistema de mapeamento colaborativo que tive contato foi o OpenStreetMap. Nunca cheguei a atuar diretamente com o projeto, pois ainda resistia à telefonia móvel por motivos de privacidade. Há pouco mais de dois anos me rendi à comodidade do 4G tendo a plena consciência de que, a partir de então, entraria para a base de bilhões de pessoas cujos dados são comercializados por corporações transnacionais de tecnologia.

Tendo em vista que meus dados pessoais já estariam no mercado da big data e, eventualmente, nos bancos de vigilância, porque não aproveitar e me divertir? Afinal de contas “if I can’t dance, that is not my revolution“.

Há pouco mais de um ano, um amigo de BH me mostrou o Ingress, jogo de geolocalização da Niantic Labs, uma startup que surgiu dentro do Google (aquela empresa em que as funcionárias tem 30% do tempo de trabalho “livres” para tocarem outros projetos). Hoje a Niantic está mundialmente famosa devido ao PokemonGo.

Continuar lendo “Mapeamento colaborativo; o sucesso do PokemonGo”

Blogame

somari mario
ah q saudade do nitendinho
deve ter sido meu primeiro software pirata 😀
mal sabia o que era contrabando & sobrevivência

nes pirata

Cabeça pra variar a 230 voltz em correntes alternadas
relax e buscando soluções para direcionar os rumos pra lá
Já faz um tempo que decidi que vou trabalhar com games.
Aí que estou a buscar interseções de jogos com; educação, redes sociais e comunicação…
Principalmente com este último, pois jogos educativos há aos montes e com redes sociais o zynga manda muito bem. fiquei aqui pensando sobre jogos que envolvem comunicação, algo que extrapole número de visitas, de comentários, de linques, retweets… será que já tem live nodes por aí fazendo isso? tipo game blog/Blogame mesmo???